Cinema

Crítica: "Alita - Anjo de Combate" vale cada minuto

15 de Fevereiro de 2019 -Redação
[Crítica:

Longa baseado no mangá de Yukito Kishiro surpreende em todos os aspectos

O ano só começou e nós já temos o privilégio de assistir um dos filmes que com certeza estará no hall do Oscar 2020: “Alita: Anjo de Combate”, um filme americano de ficção científica e ação que se baseia no mangá japonês de Yukito Kishiro, com Produção dos James Cameron e Jon Landau, mesmos produtores de Titanic e Avatar (sinta o poder).

Apesar de ser um filme live-action, a personagem de Alita (Rosa Salazar) é feita com CGI e filmada em 3D, além de utilizar um sistema de imagem estéreo desenvolvido por James Cameron (o cara não é fraco não). É um banho de tecnologia, nos fazendo mergulhar em um universo de efeitos especiais do início ao fim. A personagem principal é uma ciborgue criada com tecnologia futurística e após ser resgatada de um depósito de sucatas pelo engenheiro Daisuke Ido (Christoph Waltz) não tem lembranças do seu passado. A descoberta de seu passado e habilidade vem aos poucos, ao enfrentar situações de risco.

Entre uma expressão gentil e aguerrida, a atriz Rosa Salazar nos traz uma simples adolescente romântica, que redescobre o sabor do chocolate e uma super guerreira de expressão forte, voz impostada e corpo poderoso, nos dando uma interpretação impecável, que mesmo com tecnologia avançada não seria possível se não fosse seu talento.

Sem muita conversa fiada, o longa é tiro porrada e bomba desde as primeiras cenas. Mas, claro, não poderia faltar as cenas de romances e amores que sempre dão um drama especial e causam emoções que ajudam até nas cenas de extrema ação. Além disso, a fotografia é impecável, as cores frias e opacas, as várias informações visuais de cenários nos aguçam os sentidos. Este é um longa pensado em cada mínimo detalhe do que aparece na tela e até os figurantes te chamam atenção.

A trama promete continuação (que bom). Aquele gostinho de quero mais que fica após sair da sessão faz valer a pena todo o tempo investido para imergir naquele mundo caótico e tecnológico de 2563.

Que venha Alita 2.

CLAQUETES:

  de 5.

Por Raí Silva
Formação em Letras, Fotógrafo, Videomaker ecinéfolo sempre que dá.

 

Comentários

Outras Notícias

[Psicólogo italiano inaugura instituto em Salvador]
Viva Bem

Psicólogo italiano inaugura instituto em Salvador

20 de Maio de 2019

Franceso Pellegatta é referência internacional nas áreas de Programação Neuro-Linguística (PNL), Hipnoterapia, Time Line Therapy® e Coaching

[Dupla Wesley e Thiago agitam final de semana em Praia Grande]
Música

Dupla Wesley e Thiago agitam final de semana em Praia Grande

16 de Maio de 2019

Revelação do Sertanejo

[Rode Torres e Nata do Samba comandam o 'Balada e Friends']
Música

Rode Torres e Nata do Samba comandam o 'Balada e Friends'

16 de Maio de 2019

Evento no Ôxe Uaia acontece neste fim de semana e também terá a comemoração do aniversário do empresário Adhemar Niti

[CRÍTICA:
Cinema

CRÍTICA: "John Wick 3: Parabellum"

15 de Maio de 2019

Com estreia nesta quinta-feira (16), filme entrega entretenimento de qualidade

[Natura inaugura novo conceito de loja no Nordeste]
Viva Bem

Natura inaugura novo conceito de loja no Nordeste

14 de Maio de 2019

Com projeto arquitetônico inspirado no modernismo, nova loja expressa convite à construção de um mundo mais bonito e traz tecnologia a serviço da experiência do consumidor

[Fox Film faz campanha global de “X-Men: Fênix Negra”]
Cinema

Fox Film faz campanha global de “X-Men: Fênix Negra”

14 de Maio de 2019

Pré-venda de ingressos teve início na segunda-feira (13)