Cinema

Crítica: Voando Alto traz beleza e reflexão sobre aceitação

06 de Agosto de 2019 -Redação
[Crítica: Voando Alto traz beleza e reflexão sobre aceitação]

Animação estreia nesta quinta (8), com temas bem atuais

A necessida de pertencer a um meio, aceitação e união. Estes são os pontos que tornam a animação Voando Alto (Manou the Swift) um filme que vale a pena levar a família aos cinemas para assistir, a partir desta quinta-feira (8).

A nova aventura animada dos cinemas nos leva acompanhar Manou, uma andorinha que cresce acreditando que é uma gaivota. A culpa não é do jovem pássaro, já que, após chocar na ausência dos pais verdadeiros, foi parar em um ninho de gaivotas, onde foi acolhido como filho. Mesmo estando totalmente “fora do ninho” nosso protagonista de penas tenta seguir as orientações do pai e capitão do bando, para se tornar um deles e migrar para o sul no inverno. Todo o treinamento é pesado, mas Manou tem como principal apoiador o irmão mais novo, Luc, que o tem como um exemplo.

Na jornada para se tornar a gaivota perfeita e ser aceito pelo o resto do bando, que sempre questiona sua presença e lhe trata com hostilidade, Manou faz amizade com as andorinhas Yusuf, Poncho e Kalifa, além do desengonçado Parcival, um peru que tem o sonho de voar. A partir deste momento, o longa dirigido por Andrea Block e Christian Haas passa a abordar os laços de amizade e o conhecimento próprio do personagem principal, que afirma ser uma gaivota mesmo diante de seus semelhantes. Seu processo de aceitação começa a ser construído, mesmo que ele não tenha total consciência e continue tentando provar ser o que seus pais tentaram lhe ensinar por ter nele um filho querido, mesmo sabendo que ele faz parte do grupo renegado pelo restante do bando.

Com uma cenografia bem trabalhada (destaque para a iluminação), vemos uma narrativa que ganha força com o passar do tempo e apresenta a temática da aceitação de forma que pode parecer corriqueira nas telonas, mas que aqui é feita de uma maneira bem elaborada, sem forçar situações. Os diálogos são do tipo que você pode ver constantemente em uma conversa ou discussão de família atualmente, os momentos em que Manou é rechaçado pelas gaivotas não fica distante das histórias de descriminação que tomamos conhecimento dia após dia nas redes sociais ou noticiários.

Falando mais uma vez em aceitação e focando no âmbito familiar, temos no pai adotivo de Manou a representação de alguém que segue está seguindo os costumes antigos e se recusa a abrir a menta para o que os outros tentam te explicar. Seu verdadeiro filho, Luc, ao ver o irmão ser expulso por ser diferente, demonstra uma visão mais aberta e de respeito aos outros, independente da espécie. Manou tem em Luc seu maior apoio, já que sua mãe adotiva, mesmo não aceitando sua partida, não pode contrariar a decisão do companheiro e representante maior do bando.

Em 1h30 de, Voando Alto é um projeto que nos faz refletir o quanto buscamos nos encaixar em ambientes que não pertencemos e como reagimos com a rejeição. Ele também serve para avaliar a nossa capacidade de aceitar, apoiar e confiar nos outros. Tudo isso é feito com lindas paisagens e até uma grande tempestade que precisa ser enfrentada, assim como você enfrenta os obstáculos do cotidiano e sai dela cada vez mais forte.

 

NOTA (1 A 5 CLAQUETES)

 

Por Robson Cobain

 

 

Data de lançamento: 8 de agosto de 2019 (1h 30min)
Direção: Andrea Block, Christian Haas
Gêneros: Animação
Nacionalidade: Alemanha

 

 

Comentários

Outras Notícias

[
Telinha

"Sonhadores": minissérie baiana de Julia Ferreia na Amazon Prime

08 de Julho de 2020

Obra traz Salvador diferente de tudo que você já viu, com nomes como Fernando Alves Pinho, Antônio Pitanga

[Sound Bullet lança segundo álbum pela Sony Music Brasil]
Música

Sound Bullet lança segundo álbum pela Sony Music Brasil

08 de Julho de 2020

Em “Home Ghosts”, seu segundo disco, a Sound Bullet dialoga as distâncias físicas e poéticas entre as pessoas

[Campanha #JuntosPeloCinema une setor e lança site e primeiro vídeo]
Cinema

Campanha #JuntosPeloCinema une setor e lança site e primeiro vídeo

07 de Julho de 2020

Por mais de três meses, profissionais se uniram para colaborar num projeto que apoia as empresas na preparação para o momento em que as salas de cinema vierem a reabrir

[Larriquerri presenteia cliente no Dia do Chocolate]
Comer/Beber

Larriquerri presenteia cliente no Dia do Chocolate

06 de Julho de 2020

Cientes que fizerem pedidos acima de R$ 50, tanto no almoço quanto no jantar, ganham delicioso presente

[Chega ao fim a parceria entre Levi Lima e a banda Jammil]
Música

Chega ao fim a parceria entre Levi Lima e a banda Jammil

06 de Julho de 2020

Assessoria do grupo confirma os novos rumos através de comunicado

[Fotógrafo inova nas redes sociais mostrando o antes e o depois]
Mais

Fotógrafo inova nas redes sociais mostrando o antes e o depois

06 de Julho de 2020

Guilherme Pestana tem driblou bloquei criativo trabalhando em casa, com o auxílio de parentes